Processo de António Pinheiro

Crime/Acusação

heresia

Data da prisão

13/02/1625

Estado civil

casado

Estatuto social

cristão-velho

Idade

38 anos

Mãe

Antónia Brás

Morada

Lisboa

Naturalidade

freguesia de São Salvador de Moure, concelho de Felgueiras, arcebispado de Braga

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Gaspar Francisco, lavrador

Sentença

auto-da-fé privado de 27/05/1625. Repreendido, penitências espirituais, pagamento de custas

Cônjuge

Francisca Fernandes, cristã-velha

Cargos, funções, actividades

mercador

Notas

O réu era criado do conde de Linhares, governador de Tanger