Processo de Paulo Fernandes

Crime/Acusação

judaísmo

Data da prisão

21/06/1571

Estado civil

casado

Estatuto social

cristão-novo

Idade

50 anos

Mãe

Mor Fernandes, cristã-nova

Morada

Beja

Naturalidade

Évora

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Simão Fernandes, cristão-novo, atafoneiro

Sentença

abjuração de veemente, penitências espirituais, pagamento de custas.

Cônjuge

Catarina Lopes

Cargos, funções, actividades

sapateiro