Processo de Joana Baptista de Matos

Crime/Acusação

judaísmo

Data da prisão

24/10/1702

Estado civil

viúva

Estatuto social

cristã-nova

Idade

60 anos

Mãe

Maria de Matos, [cristã-velha]

Morada

Cascais

Naturalidade

Cascais, arcebispado de Lisboa

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Lopo de Sousa, [cristão-velho], almoxarife dos direitos da vila de Cascais

Sentença

09/09/1703,.Ir ao auto-da-fé, confisco de bens, abjuração em forma, cárcere e hábito perpétuo, penitências espirituais.

Cônjuge

João de Siqueira Pinto, capitão