Processo de Leonor Dias

Crime/Acusação

judaísmo

Data da prisão

27/02/1609

Estado civil

casado

Estatuto social

cristã-nova

Idade

45 anos

Mãe

Inês Fernandes, cristã-velha

Morada

Lisboa

Naturalidade

Setúbal

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Pedro Dias, cristão-velho, tratante

Sentença

auto-da-fé de 31/07/1611. Abjuração de veemente, cárcere a arbítrio dos inquisidores, instrução na fé católica, penitências espirituais, pagamento de custas.

Cônjuge

Estevão Gomes, cristão-novo, boticário

Notas

Por despacho de 23/08/1611, foi-lhe retirada a pena de cárcere e impostas penitências espirituais.