Processo de Marcos Ribeiro

Crime/Acusação

bigamia

Estado civil

casado

Estatuto social

cristão-velho

Idade

30 anos

Mãe

Catarina Fernandes

Morada

Alcochete

Naturalidade

Tojal, termo de Pias

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Pedro Fernandes, que vivia de sua fazenda

Cônjuge

Marta João

Cargos, funções, actividades

barbeiro

Notas

Por despacho de 20/12/1610, o réu foi absolvido e posto em liberdade, por ter sido preso por engano. O réu casou a segunda vez com Isabel Simão.