Processo de João Correia Ximenes

Crime/Acusação

judaísmo

Data da prisão

07/04/1723

Estado civil

solteiro

Estatuto social

1/2 cristão-novo

Idade

22 anos

Mãe

D. Brites de Paredes, cristã-nova

Morada

Rio de Janeiro, assistente em Lisboa

Naturalidade

Rio de Janeiro

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

João Correia Ximenes, vivia de sua fazenda

Sentença

auto-da-fé de 05/10/1723. Hábito penitencial que se lhe tirou depois da publicação da sentença, confisco de bens, abjuração em forma, cárcere a arbítrio, penitências espirituais.

Cargos, funções, actividades

soldado infante