Processo de Ana Maria de Pina

Crime/Acusação

judaísmo

Data da prisão

19/06/1671

Estado civil

viúvo

Estatuto social

cristã-nova

Idade

60 anos

Mãe

Isabel Vaz de Pina, cristã-nova

Morada

Lisboa

Naturalidade

Elvas

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Francisco Rodrigues Caldas, cristão-novo, lavrador

Sentença

auto-da-fé de 10/12/1673. Ir ao auto-da-fé com vela acesa na mão, abjuração de leve, cárcere a arbítrio dos inquisidores, instrução na fé católica, penitências espirituais, pagamento de custas.

Cônjuge

Pedro Álvares Dias, cristão-novo, vivia de sua fazenda

Notas

Por despacho de 22/12/1673, foi-lhe retirada a pena de cárcere, não podendo ausentar-se do reino sem licença da Mesa.