Processo de Francisco Rodrigues de Sousa

Crime/Acusação

bigamia/poligamia

Data da prisão

09/06/1766

Estado civil

casado

Estatuto social

cristão-velho

Idade

45 anos

Mãe

Josefa Maria

Morada

Engenho dos Algodões dos Algolosis, freguesia de Santo António do Cabo, bispado de Pernambuco

Naturalidade

Faro

Origem

Inquisição de Lisboa

Pai

Francisco Rodrigues de Sousa, sapateiro

Sentença

auto-da-fé privado de 14/11/1768. Abjuração de leve, açoitado publicamente, degredo por cinco anos para as galés, penitências espirituais e pagamento de custas.

Cônjuge

Teresa de Jesus de Oliveira

Cargos, funções, actividades

roceiro